Forum Cidade

Forum Cidade

Partido Socialista
António Costa

Definição e Objectivos
Empenhada na promoção da participação dos seus militantes e dos cidadãos em geral na vida e no futuro da cidade de Lisboa, a Comissão Política Concelhia de Lisboa (CPCL) do Partido Socialista decidiu criar e institucionalizar de forma permanente um espaço de debate político e social: o Forum Cidade. Contribuir para a construção, em termos programáticos, de uma alternativa de governo para a cidade de Lisboa e alargar a base de participação dos cidadãos na reflexão sobre a gestão da cidade, propondo iniciativas a desenvolver pelos autarcas socialistas numa lógica territorial adequada ao tecido social e urbano em análise são os dois grandes objectivos que o Forum Cidade se propõe prosseguir. O Forum Cidade será uma estrutura informal da Comissão Política Concelhia de Lisboa, que deverá envolver militantes do PS e cidadãos independentes no compromisso de reflectir conjuntamente sobre as potencialidades e os problemas de Lisboa, tendo em vista a procura e a formulação de propostas que visem o desenvolvimento sustentável da cidade, a busca de soluções para questões inadiáveis ou até a tomada de posição em matérias que considere relevantes.
Forum Conclusões Conclusões dos grupos de trabalho do Forum Cidade apresentadas em Lisboa no dia 2005/05/03:
(documentos em pdf)

Conclusões (694 KB)
Qualidade Vida/Ambiente (296 KB)
Escola e Comunidade (177 KB)
Política Urbana (234 KB)
Desporto (241 KB)
Espaço Público (152 KB)
Segurança Rodoviária (258 KB)
Modelo Económico (480 KB)

Forum Conclusões
Digite o seu eMail para ser notificado de novos conteúdos no Forum Cidade!

powered by Bloglet


Arquivos

Julho 2003

Setembro 2003

Outubro 2003

Novembro 2003

Dezembro 2003

Janeiro 2004

Fevereiro 2004

Março 2004

Abril 2004

Maio 2004

Junho 2004

Julho 2004

Agosto 2004

Setembro 2004

Outubro 2004

Novembro 2004

Dezembro 2004

Janeiro 2005

Março 2005

Abril 2005

Maio 2005

Junho 2005

Julho 2005

Agosto 2005

Setembro 2005

Outubro 2005

Março 2007

Abril 2007

Maio 2008

Junho 2008



Correio para:
forumcidade2@gmail.com





Outros WebSites

Partido Socialista

Comissão Política Concelhia de Lisboa


Grupo Parlamentar PS



Outros Blog's do PS

Outros Blog's sobre Lisboa
Diários de Lisboa
Imagens da Cidade
Jornal da Praceta
Lisboa abandonada
Lisboa a arder
Pelourinho da Lisboa
Viver Bem na Alta de Lisboa
Vizinhos

Outros Blog's
Abrangente
Adufe
Almocreve das Petas
Ânimo
Assembleia
Bioterra
Blogo Social Português
Blog sem nome
Bloguítica
O Carimbo
Causa Nossa
O Cheiro a torradas pela Manhã
Descrédito
Estrago da Nação
Forum Comunitário
Fumaças
Gang
Janela para o Rio
Jaquinzinhos
O Jumento
Mar Salgado
Minisciente
O País Relativo
A Pantera Cor de Rosa
Pessoal in Transmissível
À Procura da Cleópatra
República Digital
Respirar o Mesmo Ar
Ser Português (Ter que)
TM&RP
A Toca do Gato
Victum Sustinere
Viva Espanha


PTbloggers

Technorati


Tugir em português


Partido Socialista
Comissão Política
Concelhia de Lisboa



Cartazes 2004/5 Gente que Faz
2003




Forum Cidade
Estrutura informal da Comissão Política Concelhia de Lisboa
terça-feira, novembro 11, 2003
 
Lisboa-Ponte 25 de Abril

Já reparou que a Câmara não fala da Cidade?

Há um estranho sinal dos tempos em Lisboa. Há um silêncio absurdo dos primeiros responsáveis de Lisboa sobre o futuro da cidade. Há cartazes múltiplos sobre tudo e sobre nada, mas faz falta um só cartaz, onde se diga claramente: "Já reparou que a Câmara não fala da cidade?". De facto, não fala, não há ideias nem pensamento. Tudo se resume a intervenções pontuais e altamente discutíveis - o túnel do Marquês de Pombal (onde vai ligar?; em que sistema de escoamento e de circulação de trânsito se baseia?; que plano da Grande Lisboa pressupõe?; pretende-se apenas fazer os automobilistas chegar mais depressa aos engarrafamentos?) e o Parque Mayer (como se liga aos centros de animação da cidade?; o que está em causa para além dos honorários do Sr. Frank Gehry). O mal não está nessas intervenções, mas na falta de um pano de fundo em que se insiram. Por que razão há silêncio? A preocupação não pode deixar de assaltar os munícipes. E não se insista na repetição dos lugares comuns sobre as nossas incapacidades e as nossas dificuldades. Recusemos, de uma vez por todas, a lógica negativa e retrospectiva que ilustra, em cada dia, a fábula do lobo e do cordeiro. Antes era o caos, agora será o que Júpiter quiser? Mas onde está um pensamento de futuro? Onde está a definição da cidade que se quer? Como combater a desertificação do centro e da baixa? Como tornar a cidade hospitaleira? Como diversificar a animação cultural? Como apoiar o pequeno comércio? Como ligar as actividades económicas e comerciais à animação de rua e aos percursos culturais? Como incentivar os jovens casais a habitar a cidade antiga? Como definir uma política coerente de espaços verdes? Como incentivar os passeios a pé e os transportes públicos? Como diversificar a oferta turística? Como fazer das horas do almoço um tempo de fruição da cultura e da natureza? Como melhorar os serviços públicos? Como fazer do turismo cultural a marca diferenciadora de Lisboa? As perguntas sucedem-se - sem resposta. Dir-se-ia que há quem pense demasiado em propaganda e em campanhas eleitorais futuras. Não podemos deixar a cidade ao abandono. Sabemos que a falta de sentido de futuro e a ausência de uma ideia de cidade produziu, no passado, antes de Jorge Sampaio, efeitos devastadores. Uma metrópole como Lisboa não pode viver ao sabor do espontaneísmo ou de meras boas intenções. Precisamos de saber quais a prioridades? Se nada se fizer a cidade morrerá asfixiada pela área metropolitana, sem poder contrariar uma lógica suicida. A cidade precisa de se reorganizar administrativamente. Precisa de ser actuante na área metropolitana e contribuir activamente para uma estratégia comum. Se Lisboa não tiver ideias para a área metropolitana, iremos assistir à sua morte lenta - perdendo todos com ela. É grave o que se está a passar. Há uma estranha letargia que não pode continuar!
Guilherme d'Oliveira Martins
11/11/2003 12:40:00 da manhã . - . Página inicial . - . Comentários (0)



This page is powered by Blogger. Some Text