Forum Cidade

Forum Cidade

Partido Socialista
António Costa

Definição e Objectivos
Empenhada na promoção da participação dos seus militantes e dos cidadãos em geral na vida e no futuro da cidade de Lisboa, a Comissão Política Concelhia de Lisboa (CPCL) do Partido Socialista decidiu criar e institucionalizar de forma permanente um espaço de debate político e social: o Forum Cidade. Contribuir para a construção, em termos programáticos, de uma alternativa de governo para a cidade de Lisboa e alargar a base de participação dos cidadãos na reflexão sobre a gestão da cidade, propondo iniciativas a desenvolver pelos autarcas socialistas numa lógica territorial adequada ao tecido social e urbano em análise são os dois grandes objectivos que o Forum Cidade se propõe prosseguir. O Forum Cidade será uma estrutura informal da Comissão Política Concelhia de Lisboa, que deverá envolver militantes do PS e cidadãos independentes no compromisso de reflectir conjuntamente sobre as potencialidades e os problemas de Lisboa, tendo em vista a procura e a formulação de propostas que visem o desenvolvimento sustentável da cidade, a busca de soluções para questões inadiáveis ou até a tomada de posição em matérias que considere relevantes.
Forum Conclusões Conclusões dos grupos de trabalho do Forum Cidade apresentadas em Lisboa no dia 2005/05/03:
(documentos em pdf)

Conclusões (694 KB)
Qualidade Vida/Ambiente (296 KB)
Escola e Comunidade (177 KB)
Política Urbana (234 KB)
Desporto (241 KB)
Espaço Público (152 KB)
Segurança Rodoviária (258 KB)
Modelo Económico (480 KB)

Forum Conclusões
Digite o seu eMail para ser notificado de novos conteúdos no Forum Cidade!

powered by Bloglet


Arquivos

Julho 2003

Setembro 2003

Outubro 2003

Novembro 2003

Dezembro 2003

Janeiro 2004

Fevereiro 2004

Março 2004

Abril 2004

Maio 2004

Junho 2004

Julho 2004

Agosto 2004

Setembro 2004

Outubro 2004

Novembro 2004

Dezembro 2004

Janeiro 2005

Março 2005

Abril 2005

Maio 2005

Junho 2005

Julho 2005

Agosto 2005

Setembro 2005

Outubro 2005

Março 2007

Abril 2007

Maio 2008

Junho 2008



Correio para:
forumcidade2@gmail.com





Outros WebSites

Partido Socialista

Comissão Política Concelhia de Lisboa


Grupo Parlamentar PS



Outros Blog's do PS

Outros Blog's sobre Lisboa
Diários de Lisboa
Imagens da Cidade
Jornal da Praceta
Lisboa abandonada
Lisboa a arder
Pelourinho da Lisboa
Viver Bem na Alta de Lisboa
Vizinhos

Outros Blog's
Abrangente
Adufe
Almocreve das Petas
Ânimo
Assembleia
Bioterra
Blogo Social Português
Blog sem nome
Bloguítica
O Carimbo
Causa Nossa
O Cheiro a torradas pela Manhã
Descrédito
Estrago da Nação
Forum Comunitário
Fumaças
Gang
Janela para o Rio
Jaquinzinhos
O Jumento
Mar Salgado
Minisciente
O País Relativo
A Pantera Cor de Rosa
Pessoal in Transmissível
À Procura da Cleópatra
República Digital
Respirar o Mesmo Ar
Ser Português (Ter que)
TM&RP
A Toca do Gato
Victum Sustinere
Viva Espanha


PTbloggers

Technorati


Tugir em português


Partido Socialista
Comissão Política
Concelhia de Lisboa



Cartazes 2004/5 Gente que Faz
2003




Forum Cidade
Estrutura informal da Comissão Política Concelhia de Lisboa
terça-feira, setembro 06, 2005
 
Droga Intendente
[107/2005]
Carrilho promete tirar a droga do bairro do Intendente

O candidato do PS à Câmara Municipal de Lisboa visitou ontem o bairro do Intendente, visita no final da qual prometeu que "vão sair daqui" os drogados, o que passará, no seu entender, por voltar a pôr a funcionar "salas de injecção assistida" (vulgo salas de chuto), sendo a primeira - embora móvel - ali colocada.
Manuel Maria Carrilho organizou a visita a este bairro - para onde se transferiu grande parte do comércio de droga que antes se fazia no Casal Ventoso - precisamente para ter um pretexto para expor o seu programa de combate à toxicodependência na cidade, fazendo-se acompanhar de Elza Pais, ex-presidente do Instituto da Droga e Toxicodependência.
O programa inclui, além das salas de chuto, a reconstrução das equipas de rua e programas de metadona (terapia substitutiva da heroína) e de trocas de seringas.
Como não podia deixar de ser, Manuel Maria Carrilho não desperdiçou a ocasião para voltar a zurzir na actual gestão camarária, acusando-a de ter feito, nos últimos quatros anos, "um verdadeiro embargo" aos programas de combate à toxicodependência que já estavam em curso, nomeadamente no Casal Ventoso. "Uma catástrofe", disse o candidato socialista.
As opções do candidato do PS para a reabilitação do Intendente não se ficam, porém, pelo tratamento dos toxicodependentes. Carrilho diz que este é um dos bairros onde pretende instalar sistemas de vídeovigilância - uma das suas principais promessas de campanha -, bem como reforçar o policiamento, assumindo a segurança como uma "causa fundamental" da sua candidatura. Promete, enfim, retirar ao Intendente a característica de "gueto" (a expressão é sua) para voltar a ser uma "zona nobre" da cidade.
A tal "requalificação" passará ainda, segundo o programa que ontem apresentou, por ali construir uma residência universitária, além de uma "Casa do Mundo" para "acolhimento de imigrantes", forma de "apoiar o multiculturalismo, incentivando actividades que visem a divulgação de formas de expressão artística oriundas de todo o mundo".
O "multiculturalismo" é, de facto, uma marca do bairro, inserido numa freguesia - o Socorro - onde as chamadas minorias étnicas não só não são minoritárias como até, muito pelo contrário, são amplamente maioritárias: sete em cada dez habitantes da freguesia são de origem estrangeira.
Carrilho atravessou a zona principal do Intendente a uma hora - entre as 11h e o meio-dia - em que a sua "utilidade" como supermercado de drogas está longe do pico. No entanto, pôde verificar, aqui e ali, que este é - como o foi o Casal Ventoso - um bairro de fim da linha para muitos toxicodependentes, muitos dos quais verdadeiras bombas humanas em termos de saúde pública.
Entre a indiferença de uns, os desabafos habituais de outros ("só cá vêem quando querem poleiro!", etc.) e algumas conversas com moradores e comerciantes da zona - muitos dos quais sem direito a voto, por serem estrangeiros -, pode confirmar, in loco, que no coração da cidade sobrevive em crescente miséria um dos seus bairros mais degradados.
in Público)06/09/2005
9/06/2005 11:49:00 da manhã . - . Página inicial . - . Comentários (0)



This page is powered by Blogger. Some Text